"Gosto de dizer. Direi melhor: gosto de palavrar. As palavras são para mim corpos tocáveis, sereias visíveis, sensualidades incorporadas." (Bernardo Soares)
publicado por Departamento de Língua Portuguesa | Terça-feira, 10 Janeiro , 2012, 16:47

 

 

   Olhava para o horizonte, como se estivesse à procura de algo que ainda não chegara. Parecia que esperava alguém que não tinha aparecido ainda.

   O seu olhar transparecia cansaço, pois carregava a idade às costas e, mais do que tudo, dava a entender humildade e honestidade, segundo o seu pensativo olhar.

   Uma agradável brisa soprava de vez em quando e fazia com que as finíssimas plantinhas estremecessem à menor aragem.

   Ali era sossegado, uma vez que lá nos montes não havia muita população, mas era bom ter sossego, mesmo naquelas alturas em que precisamos de estar sozinhos.

 

 

Joana Latourrette, 7.ºD


Blogue do Departamento de Língua Portuguesa do Colégio de Nossa Senhora do Rosário
Pesquisa Literária

Conto Colégio

Textos de Alunos

pesquisar neste blogue