"Gosto de dizer. Direi melhor: gosto de palavrar. As palavras são para mim corpos tocáveis, sereias visíveis, sensualidades incorporadas." (Bernardo Soares)
publicado por Departamento de Língua Portuguesa | Quinta-feira, 11 Outubro , 2012, 14:46

 

Os romances de Mo Yan, o escritor chinês galardoado  hoje com o Prémio Nobel da Literatura, estão enraizados na China rural,  onde nasceu, mas revelam também influências do "realismo mágico" e outras  correntes ocidentais, dizem críticos e tradutores.

 

Blogue do Departamento de Língua Portuguesa do Colégio de Nossa Senhora do Rosário
Pesquisa Literária

Conto Colégio

Textos de Alunos

pesquisar neste blogue