"Gosto de dizer. Direi melhor: gosto de palavrar. As palavras são para mim corpos tocáveis, sereias visíveis, sensualidades incorporadas." (Bernardo Soares)
publicado por Departamento de Língua Portuguesa | Quinta-feira, 21 Novembro , 2013, 15:14
Ideias são o lixo
que provém do pensamento
são inúteis, confusas
ou cheias de esclarecimento
 
Nascem pequenas
e muitas morrem à nascença,
outras são tão grandes
que desafiam a existência
 
Toda a gente as tem
passam de mão em mão
como trocos de todo o mundo
todos juntos um milhão
 
Não é qualquer um que as vê
É preciso um talento escondido
que se concentra na atenção
e no desejo de ser ouvido
 
Ideias são como uma sombra
existem em todo o lado,
mas não passam de perspetiva,
para uns geniais, para outros fantasia.

Afonso Cachim, 10.º A
(a propósito da leitura da crónica de Ricardo Araújo Pereira: "Autobiografia Sumária")

Blogue do Departamento de Língua Portuguesa do Colégio de Nossa Senhora do Rosário
Pesquisa Literária

Conto Colégio

Textos de Alunos

pesquisar neste blogue